quarta-feira, janeiro 28, 2009

Quanto vale a sua dignidade?


Quando criança, aprendi que o que não era meu, era dos outros. Tive ótimos exemplos da minha mãe, a qual não ficava com absolutamente nada do que não era dela esforçando-se para encontrar o dono de alguma coisa que tivesse achado, ou quando deixavam com ela, por esquecimento ou não.


Desde criança tenho comigo essa lição, e venho praticando o que costumam chamar de "babaquice", devolvo o que acho, procuro o dono do que quer que seja que eu tenha achado, procuro ajudar as pessoas. E isso não é demagogia, o pior de tudo é que sou assim mesmo!
Pois, talvez por esse histórico, sempre me indigno com atitudes contrárias. Não consigo entender o que leva uma pessoa a ficar com o que não é dela, ainda mais quando o "proprietário" do objeto, ou pertence, dinheiro, seja o que for, está por perto.


Sou uma pessoa desastrada, distraída... Ok, ok, sei que parece que mudei de assunto, mas não! Não tenha pressa! =P

Como dizia, sou uma pessoa distraída, tenho memória seletiva e ainda por cima, para piorar, sofro de perda de memória recente. Canso de esquecer coisas, de esquecer atividades e etc.
A semana passada esqueci/perdi meu celular. Estava tentando me recuperar do choque, já que não sei se perdi, se esqueci ou se me roubaram. Nem onde, nem quando, nem por que. Absurdo!


Absurdo?

Ontem fui ao banco sacar dinheiro. Devido a quantia de que precisava, saquei numa máquina R$5.00 (CINCO REAIS), para tirar o restante na outra. Essa confusão de disponibilidade de notas. Mas, enfim... Saquei esses cinco reais, mas fui interrompida na hora em que a máquina liberaria a nota. Uma moça veio me pedir informações, passei as informações por que sou prestativa, sempre trabalhei com público, não consigo perder esse hábito. Depois, fui para a outra máquina retirar o restante do dinheiro. Quando fui retirar as notas, dei-me por conta de que não estava com a tal da nota de "R$5". Fui até o outra máquina, mais 3 pessoas habitavam o espaço no banco, o qual já estava fechado. Falei em voz alta: "Esqueci de pegar uma nota de 5, ficou no caixa...".

Eu já deveria saber, mas sempre espero por pessoas dignas nesse mundo. Para minha surpresa, ninguém se manifestou. Ficaram em silêncio quando viram a nota, mesmo sabendo que só havia mais 2 pessoas ali; ficaram em silêncio quando eu falei que a nota era minha. A decepção foi tamanha que saí do banco deixando esses miseráveis para trás.

Depois, pensando novamente no meu celular, e na pouca vergonha que havia se passado no banco por conta de R$5,00 (cinco pila), senti-me na obrigação de escrever alguma coisa a respeito. Por que não é possível que as pessoas não se dêem conta de que cinco reais podem não fazer falta, mas se não é delas, é de alguém. São míseros cinco reais, mas, mais miseráveis são aqueles que vendem a sua dignidade por "cinco pila".
Eu estava lá, eu sabia que era um deles, eu sei que eles não valem cinco reais. Não sei por quanto reais venderia a minha dignidade, o melhor seria até cobrar em Euros, que está em alta. Mas, de uma coisa tenho certeza, por cinco pila? Ahh não, é certo que válio um pouquinho mais do que isso.


E por falar em "válio", será que esse acendo ainda vale alguma coisa?- Bom, ainda estou devendo algo sobre essa polêmica reforma. Mas, hoje não. Deixa eu chorar pela miséria do mundo, só mais cinco minutinhos!!=)

6 comentários:

  1. Faço minha as tuas palavras.
    Olha que as pessoas mais se apropriam de notas de R$ 5,00 alheias, são pessoas que não necessitam tanto.
    Apenas para se orgulhar para o colega:
    "ai, faturei cincão que algum mané esqueceu".
    Ainda bem que você não sacou 50,00
    Uma vez eu fiz isso. Mas uma senhora me devolveu.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Antes tivesse rendendo $. Eu coloquei só porque nao paga nada. É simples de instalar. Mas acho que vou tirar. Eu pensava que fosse banner não links chatos que ficam pulando pop-ups.
    A propósito, no link para o emoff ta escrito literalmente por que?
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Agora entendi.
    não tira não.
    ficou muito oportuno.
    rss
    beijos

    ResponderExcluir
  4. Agora entendi.
    não tira não.
    ficou muito oportuno.
    rss
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Na verdade rende, mas para quem tem bastante acesso. Cerca de 1000 diario. Cada clieuqe nos anúncios rende 0,25 centavos.

    ResponderExcluir
  6. O texto é tão belo quanto a falta de carater de pessoas que andam por ai com essas cordas no pescoço.
    Mas Marcelo! É belo?!

    sim.

    O que seria de nós os telespectadores dessa grande sala que é a vida ou até mesmo algumas vezes particpamos como atores principais (que foi o teu caso), se não fosse esses pequenos delitos. Nós os raros criticos dessa realidade...

    Eu acho necessário essas coisas acontecerem pra vermos até onde vai o limite da humanidade (5 conto que brexa), e pra vermos no que se transformou essa porcaria de sistema.
    Isso tudo é culpa de um ideal mau elaborado, e uma educação não aproveitada... coisa que isso ninguém se quer toma de você.

    ResponderExcluir

Posts Relacionados

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...